sexta-feira, 11 de agosto de 2017

O CÉREBRO MENTE

Existe uma equação (equívoca) cérebro=mente. Num encadeamento  lógico, vem outra: mente=substância. Na prática clínica, as consequências são danosas ao paciente. Podemos citar ao menos três: 1-o paciente é tratado como "cérebro avariado"; 2- o paciente é considerado como "coisa", mesmo uma coisa valiosa. Onde estaria o sujeito? 3- o paciente é tratado com psicofármacos, ou primariamente com psicofármacos. Não diremos que a psiquiatria é a única responsável por tamanha aberração metodológica e ética. Há muitas outras forças (instituições) em jogo.

A.M.

Nenhum comentário:

Postar um comentário